qui. nov 15th, 2018

Saúde nos Terreiros leva atendimento médico e cidadania para adeptos de matriz africana

Atividade também serve para quebrar paradigmas e preconceitos

O programa Saúde nos Terreiros de Matriz Africana aportou nesta terça-feira (14.08) no terreiro de Pai Cleyton – Ilê- Kiabambo Axé Oxum Aladê Omom Omobiris, na Rua Adolpho Bloch, Vila Manchete.  O trabalho integra as ações da Coordenação de Saúde da População Negra de Olinda. Os frequentadores da instituição religiosa receberam uma gama de serviços. A iniciativa também tem como finalidade criar uma atmosfera adequada para quebrar paradigmas e possíveis preconceitos.

Foto: Pedro Morais

A atividade contou com serviços de mamografia para mulheres de 50 a 69 anos, consulta de clínico geral, exame de citologia (prevenção), emissão de cartão SUS, testes de glicose e gravidez. Foram oferecidos testes de HIV e Sífilis, aferição de pressão arterial, avaliação nutricional e orientação sobre saúde bucal.

Ocorreu distribuição de preservativos masculino e feminino, vacinação humana. Agentes de endemias do Centro de Vigilância Ambiental de Olinda (CEVAO) realizaram visitas domiciliares para combate as arboviroses e roedores.

Também houve um trabalho de orientação da Secretaria de Desenvolvimento Social, Cidadania e Direitos Humanos (SDSDH), através das Coordenadorias de Negras e Negros, Idoso, Mulher, Pessoa com Deficiência, LGBT e Assuntos Religiosos. O terreiro do Pai Cleyton contou ainda com a presença de agentes para cadastramento no Bolsa Família e emissão da Carteira de Livre Acesso.

 

*Texto: Pedro Morais