Apesar de ser a segunda maior causa de morte no mundo, o acidente vascular cerebral (AVC) não tem recebido o merecido cuidado e atenção em tempos de pandemia. Levantamento recente da World Stroke Organization (WSO) aponta queda global de mais de 60% nos atendimentos do problema após o início do isolamento social. Como vivemos num país continental, por aqui essa redução ficou entre 40 e 50%, dependendo do estado avaliado. Um cenário, de qualquer forma, bem preocupante.  

O neurocirurgião João Gabriel Ribeiro Gomes alerta que, além disso, pacientes oncológicos, com tratamento de tumor cerebral, não devem negligenciar a doença. “Com a reabertura das clínicas e autorização de cirurgias eletivas, é imperativo, neste momento, realizar o procedimento necessário”, reforça o especialista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *