Instituição pernambucana disponibiliza para venda 10.500 tíquetes antecipados do Big Mac para arrecadar recursos para a reforma de UTI e ampliação de leitos

Realizada há mais de 30 anos no Brasil, a campanha beneficente McDia Feliz arrecada recursos financeiros para projetos que beneficiam milhares de crianças e jovens. Em Pernambuco, uma das instituições beneficiadas é o Grupo de Ajuda à Criança Carente com Câncer (GAC-PE), instituição que há 22 anos assiste pacientes ambulatoriais e em situação de internamento, matriculados no Centro de Oncohematologia Pediátrica (CEONHPE) do Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC).

O valor adquirido com a venda dos sanduíches BigMac no McDia Feliz, que este ano será em 24 de agosto, é 100% revertido para os projetos sociais da campanha. Além disso, empresas e pessoas físicas interessadas em colaborar com a causa já podem adquirir os tíquetes antecipados do sanduíche por meio das instituições beneficiadas em todo o país. O GAC-PE está disponibilizando para venda 10.500 tíquetes antecipados, no valor de R$ 17,00 cada um.

“Nossa parceria com o McDonald’s no Brasil, por meio do McDia Feliz, é fundamental para conscientizar a sociedade sobre o câncer infantojuvenil, que continua sendo a doença que mais mata crianças e jovens. Já evoluímos em estrutura graças a campanhas como essa. Hoje no Brasil a chance média de cura é de 64%, mas nossa meta é alcançar 85%, percentual compatível com países com alto Índice de Desenvolvimento Humano”, declara Francisco Neves, superintendente do Instituto Ronald McDonald, responsável pela campanha McDia Feliz.

O GAC-PE vai destinar o montante da campanha deste ano para a reforma do sexto andar do Centro de OncoHematologia Pediátrica (CEONHPE), do Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC), onde funciona a instituição. O setor está fechado ao atendimento dos pacientes há mais de quatro anos por dificuldades estruturais. O pavimento vai abrigar 10 leitos, entre UTI, isolamento e cuidados paliativos.

Desde então, o GAC-PE vem tentando recuperar o sexto andar do CEONHPE, mas devido ao contexto da crise econômica que se alastrou no Brasil nos últimos anos e o princípio de incêndio que aconteceu no prédio da instituição em fevereiro de 2019, não foi possível arrecadar os recursos suficientes para essa finalidade. Com a verba oriunda do McDia Feliz, o GAC-PE também pretende ampliar para 34 o número de leitos da enfermaria. Hoje, são 24.

De acordo com a presidente do GAC-PE, Vera Morais, a ação do McDia Feliz é muito importante para a instituição. “Com a venda antecipada dos 10.500 tíquetes do BigMac, vamos conseguir realizar um sonho que buscamos faz tempo: a reforma da UTI do CEONHPE. Assim poderemos continuar o procedimento de humanização do tratamento dos pacientes matriculados no Centro de OncoHematologia Pediátrica que não precisarão sair do serviço quando necessitarem de cuidados intensivos”, destaca ela.

Vera Morais conta que o dinheiro arrecadado através da campanha do McDia Feliz de 2018 está em uma conta bancária específica, destinada somente para a reforma do sexto andar do CEONHPE. “É como se fosse um ‘cofrinho’, no qual estamos juntando a verba necessária para essa finalidade. Já os recursos da campanha de 2017 foram direcionados para a reforma estrutural e ambientação do nosso ambulatório”, informa.

A venda de tíquetes antecipados já está disponível e pode ser feita diretamente no GAC-PE. Vendido ao preço de R$ 17,00 cada um, o tíquete equivale a um sanduíche Big Mac, que só pode ser utilizado na data do McDia Feliz (24 de agosto). Os interessados na compra de tíquetes antecipados podem entrar em contato direto com a instituição pelos telefones 81  3423.7636 e 3267.9200.

A venda dos tíquetes antecipados representa uma importante parcela na arrecadação total da campanha McDia Feliz, válida também pela venda de sanduíches Big Mac no próprio dia, isoladamente ou na promoção (exceto alguns impostos), além de produtos promocionais com a marca McDia Feliz vendidos pelas instituições participantes. Em Pernambuco, o GAC-PE será responsável por 11 restaurantes da McDonald’s parcerias na iniciativa: as duas do Shopping Tacaruna, as duas do Shopping Recife, Shopping Guararapes, Drive Jaboatão, Mc Donald’s Piedade,  Mc Donald’s Derby, Drive Boa Viagem (área externa do Shopping Recife), Mc Donald’s Carrefour Torre e Mc Donald’s Abdias de Carvalho.

As unidades do McDonald’s de Caruaru e Cabo de Santo Agostinho terão os valores divididos entre o GAC-PE e o Núcleo de Apoio à Criança Carente com Câncer (NACC).

Foto: Divulgação

Sobre o Instituto Ronald McDonald

Organização sem fins lucrativos, o Instituto Ronald McDonald (IRM) atua há 20 anos para aproximar famílias da cura do câncer infantojuvenil e aumentar as chances de cura da doença aos mesmos patamares dos países com alto Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). Para atingir esse objetivo, o Instituto Ronald McDonald trabalha promovendo a estruturação de hospitais especializados, a hospedagem para famílias que residem longe dos hospitais, a capacitação de profissionais de saúde para realizarem o diagnóstico precoce, incentiva a adesão a protocolos clínicos e promove disseminação de conhecimento sobre a causa.

A ONG faz parte do sistema beneficente global Ronald McDonald House Charities (RMHC), presente em mais de 60 países, coordenando os programas globais: Casa Ronald McDonald, voltado para a hospedagem, transporte e alimentação dos pacientes; e o Programa Espaço da Família Ronald McDonald, que torna menos desgastante o dia a dia das famílias durante o tratamento. No Brasil, há ainda outros dois programas locais: Atenção Integral e Diagnóstico Precoce, com ações específicas de combate ao câncer infanto-juvenil. O Instituto conta com o apoio de diversas empresas e pessoas físicas para desenvolver e manter seus programas. Saiba mais sobre as fontes de arrecadação, os programas e as instituições beneficiadas em www.institutoronald.org.br.

Sobre o GAC-PE

Criado em 1997, o GAC-PE assiste, por dia, uma média de 70 pacientes ambulatoriais e 24 em situação de internamento. Todos realizam tratamento no Centro de OncoHematologia Pediátrica (CEONHPE) do Hospital Universitário Oswaldo Cruz (HUOC). Além das ações com foco na assistência social, desenvolve projetos específicos de prevenção e humanização do tratamento.

Todas as ações do GAC-PE são realizadas a partir do trabalho de dezenas de voluntários, de parcerias e do investimento das doações permanentes feitas à instituição. As contribuições podem ser financeiras ou em forma de produtos e serviços. A instituição arrecada recursos através da promoção de eventos, da venda de seus produtos institucionais e da revenda de roupas e equipamentos doados que são comercializados em bazares. Os interessados em contribuir podem realizar doações pelo site www.gac.org.br. Outras informações pelos telefones 81 3423.7636, 3423.7833, ou no perfil da instituição no Facebook  (@GACPernambuco).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *