A pandemia do novo coronavírus (Covid-19) vem afetando diversos segmentos da sociedade, impactando a renda financeira das famílias, a alimentação e moradia. Com o objetivo de ajudar as pessoas em situação de vulnerabilidade social, o Sistema Hapvida doou nesta quinta (21) mais de 58 mil itens alimentícios que serão distribuídos na sexta-feira (22), em forma de cesta básica, pela ONG pernambucana Novo Jeito, para milhares de famílias que moram nas comunidades da Região Metropolitana do Recife (RMR). O diretor médico do Hospital Ilha do Leite da rede Hapvida, Flavio Sivini, acompanhou a ação de solidariedade. 

Os itens da cesta básica incluem alimentos essenciais e básicos para a nutrição da população, como o feijão, arroz, café, leite, macarrão, além de outros. Serão destinadas milhares de cestas básicas para vários bairros da RMR, como o Alto José Bonifácio, Campo Grande, Engenho do Meio, Ilha Joana Bezerra, Nova Descoberta e muitos outros. “Muitas pessoas chegam pra gente com os olhos lacrimejando, todos os dias recebemos pedidos de ajuda das comunidades. Cada doação é mais um fôlego para várias famílias. Com essa doação do Sistema Hapvida, são mais de 5 mil famílias alimentadas por pelo menos 12 dias. Com a campanha “Tempo de Doar”, o Novo Jeito chegou a 100 mil cestas básicas arrecadadas”, pontua o coordenador do voluntariado do Novo Jeito, Yablans Nascimento.

Para o Vice-Presidente Comercial e de Relacionamento do Sistema Hapvida, Candido Júnior, esse é o momento de toda a sociedade participar como pode e contribuir para o bem-estar do meio onde vive. “Nós confiamos, admiramos e sabemos da capacidade do povo pernambucano de ser solidários. É uma população guerreira, que luta e sabe que isso é apenas uma fase. Precisamos ter muita atenção e cuidar uns dos outros para sairmos sobreviventes e mais fortes dessa pandemia, cumprindo nossa missão social uns com os outros. Por isso, o Sistema Hapvida não poderia deixar de fazer a sua parte e dar sua contribuição à ONG Novo Jeito com muita alegria e solidariedade, ajudando a construir um futuro melhor para os pernambucanos”, destaca Candido Júnior.

“Agradeço ao Hapvida pela doação das milhares de cestas básicas para nossa campanha Tempo de Doar, que a ONG Novo Jeito está fazendo para ajudar a beneficiar as famílias mais vulneráveis da Região Metropolitana do Recife, nesse tempo de isolamento, de quarentena e de grande crise na vida dos mais humildes. Nosso muito obrigado pela doação e no tempo certo, quando tudo isso passar, pessoalmente, nós vamos aí dar um abraço e agradecer por todo o engajamento de vocês”, ressalta o líder da ONG Novo Jeito, Fábio Silva.

A ONG Novo Jeito nasceu em 2010 com o desejo de ajudar os mais necessitados, quando cerca de 50 mil pessoas foram afetadas por uma enchente na Mata Sul de Pernambuco. Desde 2011, quando aconteceu a primeira mobilização, milhares de crianças, jovens e adultos em mais de 20 cidades do país foram ajudadas. São ações sociais que envolvem visitas a asilos, doações de sangue, cadeiras de rodas e aparelhos auditivos, alimentos e água, conscientização sobre cuidados com o meio ambiente e muitas outras. Para a equipe que compõe a Novo Jeito, o maior legado é a forma de fazer: “Juntos”. 

Se você também quiser colaborar, pode doar na conta 13001110-7, agência 4048, banco Santander, em favor da Associação Novo Jeito. Após a doação, deve enviar o comprovante para o e-mail contato@novojeito.com. Para acompanhar as ações da ONG, basta seguir as redes sociais do projeto. No instagram, @novojeito, ou no Facebook, curtindo a página Novo Jeito.

Sobre o Sistema Hapvida

Com mais de 6 milhões de clientes, o Sistema Hapvida hoje se posiciona como o maior sistema de saúde suplementar do Brasil presente em todas as regiões do país, gerando emprego e renda para a sociedade. Fazem parte do Sistema as operadoras do Grupo São Francisco, América, Promed e Ame, RN Saúde, além da operadora Hapvida. Atua com mais de 30 mil colaboradores diretos envolvidos na operação, mais de 15 mil médicos e mais de 15 mil dentistas. Os números superlativos mostram o sucesso de uma estratégia baseada na gestão direta da operação e nos constantes investimentos: atualmente são 39 hospitais, 185 clínicas médicas, 42 prontos atendimentos, 179 centros de diagnóstico por imagem e coleta laboratorial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *