Ciel Santos estreia projeto “Enraizado” no Recife

Show com temática relacionada a diversidade do ser humano fará minitemporada no espaço O Poste

“Mulher? Homem? Viado? Sapatão? Humanos. Somos humanos. Germinamos todos os dias para o novo, criamos raízes e reconstruímos e desconstruímos nosso ser. Concorda? ”. Com esta indagação o cantor, ator, bailarino e compositor pernambucano Ciel Santos lança o seu projeto “Enraizado”. O Show, com temáticas relacionadas a diversidade do ser humano, estreia temporada no espaço O Poste, localizado na Rua da Aurora, n 259. Serão três apresentações aos domingos, nos dias 20 e 27 de agosto e no dia 3 de setembro, a partir das 17h.

O projeto “Enraizado” surgiu da inquietação de Ciel Santos. “Eu vinha compondo coisas novas já tinha um tempo, aí quando me dei conta percebi que já estava com um material que dava um espetáculo. Então decidi levar o projeto a frente”, conta Ciel. Dividido em dois atos, o espetáculo conta com 16 músicas, sendo 90% delas autorais e compostas exclusivamente para o projeto. Para criar uma narrativa dramático-musical, o artista mescla músicas com textos, onde ambos conversam entre si. O espetáculo aborda temas presentes na trajetória de Ciel, desde a sua vida no interior, passando pelas dificuldades enfrentadas pela androgenia da sua voz, sua fé, os prazeres e o intercâmbios artísticos.

“O roteiro faz um paralelo entre o ciclo de vida de uma planta e a minha trajetória artística. O principal discurso do espetáculo é a liberdade de ser e fazer o que quiser. Eu, enquanto homossexual, passei por muitas dificuldades e aprendi a lidar com tudo isso. A androgenia da minha voz me fez ter muita vergonha de cantar. Com o tempo fui desconstruindo isso e solidificando o cantor que sou hoje”, explica Ciel.

Formado em Canto Erudito pelo Conservatório pernambucano de música, Ciel Santos é natural do município de Bezerros, no Agreste Pernambucano, e iniciou sua carreira na dança, aos 14 anos, no Balé Popular Papanguarte, no qual foi ator e bailarino e participou de grandes festivais de dança popular no País. Ingressou profissionalmente na música no ano de 2006, com o espetáculo “Nós e o Cabide”. Em 2009 mudou-se para o Recife, onde participou durante sete anos do grupo vocal dos Garçons Cantores do Manhattan Café Theatro. O primeiro tralho autoral veio em 2015, com o lançamento do EP “Livre”, ganhando destaque no cenário musical pernambucano. Dono de um timbre raro, Ciel é contratenor, canta na tessitura feminina, do contralto ao mezzo soprano, com música influenciada pela cultura popular nordestina intercambiada com ritmos latinos, jazz e música erudita.

O show “Enraizado” tem direção musical de Mauricio Cezar, que também assume o teclado e sanfona; Del Lima no baixo acústico e violão; George Rocha na percussão e Silva Barros na bateria. O público pode esperar uma apresentação performática com um mix de música, dança e poesia. Ciel Santos espera voar alto com o projeto. “Pretendo levar esse espetáculo para outros lugares do Brasil e, posteriormente, gravar um CD com as canções dele”, anseia o artista. O show tem classificação etária de 16 anos. Os ingressos custam R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia-entrada), à venda no site Sympla (https://www.sympla.com.br/ciel-santos–enraizado__174213) ou na Escola de Música Minami.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *