Assegurada verba para obras de revitalização do Cine Olinda

Espaço não exibe filmes há 40 anos

O projeto de requalificação do Cine Olinda, no bairro do Carmo, começa a ganhar corpo. O edital para contratação da empresa que terá a missão de executar os serviços de revitalização do espaço foi publicado na última sexta-feira (26.01) pela Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe). A estimativa é de que R$ 1,6 milhão seja investido na obra. O próximo passo será o processo licitatório. O cine não exibe filmes há 40 anos.

A programação prevê a realização de várias intervenções. O conjunto de ações inclui pintura, instalação de balcões, aplicação de bancadas, sala de projeção, sanitários. Estão na lista do projeto também operações no piso, teto, renovação das partes elétricas e hidráulica, entre outras ações.

“Essa etapa de requalificação é muita esperada pela classe artística de Olinda. Aguardamos com muita ansiedade a execução dos serviços por parte do Governo do Estado. Após essa fase de intervenção na estrutura física, a prefeitura se encarregará de instalar os equipamentos para que o prédio seja devolvido ao público”, comentou o secretário de Patrimônio e Cultura da cidade, Gilberto Sobral.

HISTÓRIA – Ainda com o nome de Cine Theatro de Variedades, a casa começou a funcionar no ano de 1911. Na década de 1920, ganhou o nome de Cine Olinda. Já nos anos 1970 o local deixou de funcionar e foi desapropriado pela administração municipal em 1979. Na década de 1980 o local funcionou como Cine Bajado. Mas faz 40 anos que não ocorre exibição de filmes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *